Flamengo confia em discurso de continuidade transmitido por Rueda

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Gilvan de Souza/ Flamengo

    Dirigentes acreditam que colombiano vai permanecer no clube

    Dirigentes acreditam que colombiano vai permanecer no clube

O otimismo da imprensa chilena com relação a um eventual acerto entre o técnico Reinaldo Rueda e a seleção nacional é encarado com serenidade no Flamengo. Ao passo que veículos locais asseguram que a contratação está fechada, o Rubro-negro segue confiando no discurso do treinador, que mantém contato para tocar o planejamento para 2018.

O recado que os dirigentes do Fla têm recebido do colombiano é de que o trabalho seguirá normalmente. Uma reviravolta no caso seria recebida com surpresa na Gávea, já que o treinador é considerado peça-chave para a montagem do Flamengo versão 2018.

O comandante segue de férias na Colômbia, país que também deseja Rueda no comando de sua seleção. Rueda nunca escondeu o desejo de dirigir o selecionado do seu país, que não seguirá com José Pekerman após a Copa da Rússia de 2018.

Com contrato com os rubro-negros até dezembro deste ano, o técnico avalia as possibilidades. Para a alta cúpula do clube, o silêncio de seu treinador é um sintoma de que nada mudou e que ele estará presente na reapresentação do elenco, dia 8 de janeiro.

Apesar da postura discreta de Rueda, o auxiliar Bernardo Redín coloca fogo nas especulações. Em entrevista à "Rádio Caracol", Redín indicou que o futuro segue indefinido.

"Pensaremos a partir do dia 1º de janeiro. Nos reuniremos com o professor Reinaldo e veremos. Ele vai tirar a melhor conclusão de onde devemos ir nesse momento e vamos apoiá-lo e aconselhá-lo. Ele tomará a decisão ", disse o auxiliar.

Em meio ao cenário de incertezas, o Flamengo segue tentando fazer os ajustes necessários em seu elenco. De olho em Zeca, o clube analisa o risco jurídico embutido na contratação do lateral, que pediu desligamento do Santos por atrasos no fundo de garantia.

As saídas também estão sendo analisadas, mas não há nada concreto até o momento. Jogadores desgastados com a torcida, Mancuello, Gabriel, Márcio Araújo, Rafael Vaz e Alex Muralha são considerados negociáveis e boas moedas de troca.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos