Campeonato Carioca terá testes de árbitro de vídeo em jogos decisivos

Leo Burlá e Pedro Ivo Almeida

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Juan Mabromata/AFP

A Federação Estadual do Rio de Janeiro (Ferj) confirmou nesta quinta-feira que implementará em caráter de teste o árbitro de vídeo (VAR) em dez jogos do Campeonato Carioca. Desta forma, não haverá correção de eventuais erros da arbitragem, com a tecnologia sendo testada apenas para aprendizagem.

O plano é que o dispositivo seja utilizado nas fases finais da Taça Guanabara e Taça Rio e nas decisões que decidirão o campeão carioca de 2018. Ao todo, serão 10 partidas com a tecnologia.

"Mais vale uma despesa pequena do que um gol decisivo que seja um equívoco", disse Rubens Lopes, presidente da Ferj.

O custo do investimento previsto pela federação carioca é de R$ 80 mil. Um projeto apresentado pelo deputado Samuel Malafaia previa a obrigatoriedade do árbitro de vídeo em todos os jogos do campeonato, mas foi vetado pelo governador Luiz Fernando Pezão.

Bola do Carioca apresentada

Divulgação/Ferj

Uma das principais "estrelas" do Carioca de 2018, a bola da edição de 2018 foi apresentada na sede da entidade. O modelo foi batizado de "Samba" e as cores são inspiradas no pôr do sol do Rio de Janeiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos