Flamengo libera Márcio Araújo à Chapecoense e cede outros oito atletas

Leo Burlá e Rodrigo Mattos

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Gilvan de Souza/Flamengo

    Márcio Araújo no dia em que completou 200 jogos com a camisa do Flamengo

    Márcio Araújo no dia em que completou 200 jogos com a camisa do Flamengo

A Chapecoense negociou a contratação do volante Márcio Araújo com o Flamengo. As duas partes confirmam o acerto, que estava por pequenos detalhes para ser sacramentado. O acordo prevê uma cessão sem custos e o camisa 8 assinará por dois anos.

A transação entre os clubes foi, na verdade, uma retomada já que desde o final de dezembro a Chapecoense se interessada pelo jogador. Só que, nas consultas iniciais, o time catarinense achou o salário de Márcio Araújo (Em torno de R$ 160 mil) alto demais para o padrão de seu elenco e desistiu da contratação. No início do ano, no entanto, as negociações voltaram e caminharam para uma solução positiva.
 
"Estávamos interessados, faltavam acertar alguns detalhes", afirmou o presidente da Chapecoense, Plínio David de Nês ao UOL Esporte
 
Márcio Araújo estava no Flamengo há quase quatro anos, boa parte deles como titular. Mas sofreu forte rejeição da torcida rubro-negra que pedia sua saída. Além disso, com a chegada do técnico Reinaldo Rueda, perdeu a posição para Cuéllar, que passou a compor a dupla de volantes com William Arão.
 
O volante não foi o único atleta negociado pela equipe rubro-negra. Os meias Matheus Savio e Cafu foram emprestados ao Estoril, de Portugal. Outro jogador que vai à Europa é Nixon, que vai jogar no Kalmar, da Suécia. Thiago Santos e Trindade atuarão no futebol indiano, em Mumbai FC e Jamshedpur, respectivamente.
 
Outras revelações do Flamengo ficaram no futebol brasileiro. O lateral direito Thiago Ennes irá jogar no Náutico, enquanto o lateral esquerdo Moraes atuará pelo Santos e Gabriel Silva vestirá a camisa do Veranópolis-RS.

Na Chapecoense, Márcio Araújo terá a companhia de outro flamenguista. Hector Canteros, que chegou à equipe catarinense no ano passado, tem contrato com a Chape até o fim de 2018.

O Flamengo segue o impasse causado pela indefinição da situação do técnico. Aos interlocutores do clube, o colombiano garante que o trabalho seguirá normalmente, mas a imprensa do Chile garante que o comandante tem um acordo selado para dirigir a seleção do país.
 
A reapresentação de Rueda está marcada para a próxima segunda-feira, no Ninho do Urubu. O clube tem seguido o planejamento que foi traçado com o técnico ainda antes do final da Copa Sul-Americana.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos