Luan vira o ano valorizado, mas Grêmio não projeta saída imediata

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • Dolores Ochoa/AP

    Meia-atacante viu cotação em site especializado aumentar em R$ 11 milhões

    Meia-atacante viu cotação em site especializado aumentar em R$ 11 milhões

Luan terminou 2017 com três prêmios individuais e o título de campeão da Libertadores. As boas atuações renderam valorização, prestígio e aumento na cotação geral do mercado. Mesmo com tudo isso, no entanto, o Grêmio não projeta uma saída do meia-atacante na atual janela de transferências europeia, que começou nesta semana.

O Tricolor trabalha com cenário otimista e de eventual adeus em julho. Até pelo valor a ser investido pelo clube interessado.

A multa rescisória prevista em contrato está na casa dos 18 milhões de euros (R$ 70 milhões na cotação atual). Segundo o site Transfermarkt, Luan vale 20 milhões de euros (R$ 78 milhões). Na comparação com a penúltima cotação da mesma fonte houve valorização. Em outubro, o meia-atacante tinha os direitos econômicos avaliados em 17 milhões de euros pelo Transfermarkt.

Na Arena, Luan reúne fãs nas arquibancadas, gabinetes e vestiário. As atuações dele na reta final da Libertadores encheram os olhos da direção – que ao mesmo tempo ficou aliviada pelo acordo de renovação obtido após longa novela com o estafe do atleta.

Só que mesmo com as boas atuações, o Grêmio é cético quanto ao interesse europeu em Luan agora. Além do preço, o Tricolor mesmo entende que Arthur, 21 anos, é o alvo principal.

Em agosto, quando recusou transferência ao Spartak Moscou-RUS por duas vezes, Luan disse a pessoas do Grêmio que planejava sair do Brasil em janeiro. A meta pessoal dele era ficar para ser campeão e ela foi atingida. Só que agora ainda não há nenhum movimento de clubes interessados que possam levar o jogador. Além do clube russo, a Sampdoria também fez proposta e ouviu igualmente um 'não'. A oferta italiana era inferior e foi recusada antes das negativas ao time de Moscou.

Luan, 24 anos, está elenco principal do Grêmio desde 2014. Na renovação, o Tricolor cedeu mais 10% dos direitos econômicos ao estafe do jogador e agora detém 60% do jogador.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos