Empresa que processou WTorre fica com parte dos naming rights do Allianz

Danilo Lavieri

Do UOL, em São Paulo

A Siemens, empresa alemã de tecnologia, vai receber parte do valor de naming rights pago pela Allianz, principal patrocinadora do estádio do Palmeiras. O motivo é um processo movido pela companhia contra a WTorre, construtora do Allianz Parque e responsável pela administração do local, para cobrar dívidas referentes a serviços de segurança instalados na arena alviverde, como câmeras, catracas e sistema de monitoramento facial. O montante a ser recebido pela Siemens deve ser de pouco mais de R$ 9 milhões. A Allianz paga anualmente cerca de R$ 15 milhões pelos naming rights do estádio.

Para ler esta notícia na íntegra, além de outras novidades dos bastidores da bola, leia a coluna De Primeira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos