Fla abre portas para recuperação de Adriano: 'mas sem oba-oba'

Pedro Ivo Almeida

Do UOL, no Rio de Janeiro

O Flamengo abriu as portas de seu centro de treinamento para recuperar o atacante Adriano. No entanto, o jogador está longe de ser tratado pelo clube como um potencial reforço.

"Estamos falando de um ídolo. É meu ídolo, ídolo dos meus filhos, da torcida. Só isso. Não podemos fechar as portas, até por uma questão de respeito. Mas não passa disso", esclareceu o presidente do clube, Eduardo Bandeira de Mello.

"Falei com o representante dele, disse que nosso departamento médico está à disposição. Estaremos sempre aqui para ajudar a pessoa, o ídolo. Mas nada de oba-oba, nada de 'o imperador voltou'", frisou um cauteloso mandatário.

Responsável por lançar Adriano no time profissional do Flamengo em 2000, o novo treinador rubro-negro, Paulo César Carpegiani, também manteve tom cauteloso e disse que o Imperador não está em sua pauta atualmente.

"É tudo uma questão de planejamento, observação, consenso. Mas não estamos pensando nisso. Não quero entrar nesse assunto. Estou mais preocupado com nosso projeto e com o jogo do dia 17 [estreia no Carioca], comentou o novo treinador.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos