Pioneiro, Bragantino busca patrocínio e aceitará bitcoins como pagamento

Marcello De Vico

Do UOL, em Santos (SP)

  • Reprodução/Facebook

    Bragantino ainda busca patrocínios para a frente e as costas da camisa

    Bragantino ainda busca patrocínios para a frente e as costas da camisa

"Pode me pagar em bitcoins". Parece curioso, mas a prática está cada vez mais em alta no mundo e agora chegou até ao futebol brasileiro. De volta à elite do Campeonato Paulista após dois anos, o Bragantino chamou a atenção ao divulgar em suas redes sociais que aceitará a moeda virtual como forma de pagamento de empresas que queiram patrocinar o clube nesta temporada.

No começo deste ano, o próprio Real Madrid anunciou que aceitará a criptomoeda (leia mais detalhes abaixo) como forma de pagamento para o tour do estádio Santiago Bernabéu. Assim, tornou-se o primeiro clube no mundo a adotar a modalidade de pagamento.

Agora, foi a vez de o Bragantino fazer o mesmo no Brasil, como parte de um projeto de modernização do clube - que completou 90 anos de história na última segunda-feira, dia 8. Quem dá mais detalhes sobre a ideia é Luiz Arthur Abi Chedid, vice-presidente do clube.


"Estamos captando, para o Paulistão, Brasileiro e Copa do Brasil, patrocínios para a camisa. Já temos dois [Academia K@2 e Inbra Blindados], e surgiu, com essa onda de bitcoins e essa valorização, com o objetivo de estar buscando um nicho que hoje não está no futebol. E a gente decidiu inovar, é um clube de 90 anos e queremos estar alinhados com o futuro. Então decidimos informar ao mercado que estamos aceitando bitcoins como forma de pagamento, tanto nos patrocínios de camisa ou até mesmo nos pontuais, nos jogos contra os grandes da capital", disse o dirigente em entrevista ao UOL Esporte.

"É uma forma de inovar e estar atento às mudanças tecnológicas. E fomentar esta questão do patrocínio", acrescentou vice-presidente, que disse já ter recebido algumas propostas. "Já estamos tendo algumas ofertas em bitcoins, por incrível que pareça. Desde o dia que a gente iniciou [5 de janeiro], já tem umas seis negociações em andamento", completou Luiz Arthur.

O Bragantino faz a sua estreia no Campeonato Paulista no dia 18 de janeiro, contra o Botafogo-SP, no estádio Nabi Abi Chedid, às 19h30. O time de Bragança Paulista faz parte do grupo A, junto com Corinthians, Ituano e Linense.

O que é bitcoin?

Bitcoin é um arquivo digital que existe online e funciona como uma moeda alternativa – é a primeira a usar criptografia. Criada em 2008, hoje está cotada em cerca de R$ 50 mil.

O bitcoin não é impresso por governos ou bancos tradicionais, mas criado por um processo computacional complexo conhecido como "mining" (mineração).

Todas as moedas e todas as transações feitas com elas ficam registradas em um índice global –conhecido como "blockchain", uma espécie de banco de dados descentralizado que usa criptografia para registrar as transações. Dessa forma, os arquivos não podem ser copiados ou fraudados e as transações não podem ser rastreadas.

Existem cerca de 16,5 milhões de bitcoins em circulação, e cerca de 3.600 novos são criados todos os dias. Como outras moedas, ela não tem um "valor inerente": seu preço é determinado pelo quanto as pessoas estão dispostas a pagar por ela.

O valor da moeda virtual Bitcoin disparou no segundo semestre de 2017. Em meio a oscilações bruscas entre novembro e dezembro, cada moeda chegou a valer mais de US$ 18 mil (R$ 59 mil) –um aumento considerável, já que o câmbio no início de 2017 era de 1 bitcoin para US$ 1.000.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos