Sem passaporte europeu, corintiano Maycon fica distante de mudança sonhada

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • Ale Cabral/AGIF

    Maycon começa a temporada 2018 no banco de reservas do Corinthians

    Maycon começa a temporada 2018 no banco de reservas do Corinthians

Almejada para a janela de transferências de janeiro, a saída do volante corintiano Maycon para a Europa têm possibilidades remotas de ocorrer. A dificuldade de seu estafe em encontrar vagas para jogadores não-comunitários no futebol europeu é a principal razão para uma mudança nesse momento ter se tornado improvável. 

Nas últimas semanas, representantes de Maycon mantiveram tratativas com equipes de Inglaterra, Espanha e Itália, mas nenhum negócio prosperou a curto prazo. Marcada por negócios mais pontuais, a janela europeia de janeiro também se mostrou mais difícil para um jogador sem passaporte europeu, caso do jovem corintiano de 20 anos, já que a maioria das equipes possui as vagas para estrangeiros preenchidas.  

No ano passado, de olho na possibilidade de uma mudança a médio prazo, Maycon iniciou processo de obtenção da cidadania europeia, mas ainda não teve êxito nesse trâmite. Equipes como Juventus-ITA e Real Betis-ESP, além de um time inglês, demonstraram interesse no jogador corintiano, mas optaram por não avançar para uma proposta. 

A situação é bastante semelhante à que envolve o Napoli-ITA e foi noticiada pelo jornalista Gianluca Di Marzio, italiano especializado em transferências. A equipe manteve conversas por Maycon, mas não decidiu fazer qualquer tipo de proposta até aqui.

No mercado inglês, mais restrito para jogadores estrangeiros, também há limitações porque a transferência dependeria de uma autorização especial para atletas jovens sem passaporte europeu. Como a seleção brasileira sub-20 não disputou o Mundial em 2017, esse trâmite se torna ainda mais difícil. 

Distante de uma perspectiva de negociação, Maycon luta nesse início de ano para recuperar espaço perdido nos últimos jogos da temporada 2017. Titular absoluto em grande parte do ano, ele foi superado por Camacho, que tem hoje a preferência de Fábio Carille. O treinador também experimenta a equipe com Jadson em nova função, o que deixou o jovem mais próximo do banco de reservas no começo de 2018. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos