São Paulo entende disputa, mas não quer entrar em leilão por Scarpa

Bruno Grossi

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • Flickr Fluminense

    Gustavo Scarpa travou batalha judicial e ficou livre para trocar de clube em 2018

    Gustavo Scarpa travou batalha judicial e ficou livre para trocar de clube em 2018

Na última sexta-feira, o Atlético-MG apareceu como mais um candidato a contratar o meia Gustavo Scarpa. O movimento do Galo aconteceu logo que o jogador conseguiu ficar livre do contrato com o Fluminense em ação na Justiça, na noite de quinta, em concorrência encarada como algo natural pelo São Paulo. O Tricolor Paulista, entretanto, não pretende entrar em nenhum leilão para fechar com o armador de 24 anos.

O São Paulo sempre tratou o caso com cautela, mesmo quando passou a ser apontado pelo Fluminense como favorito a ter Scarpa. De fato, os paulistas acreditam que se armaram bem para as negociações, tanto com o time carioca quanto com os representantes do atleta, agenciado pela OTB. Só que o clube do Morumbi sustenta que ainda não fez nenhuma proposta e que vê as tratativas em "compasso de espera".

Com abordagem considerada mais respeitosa ao Fluminense, a diretoria são-paulina estava mais otimista com o negócio antes de Scarpa conseguir a liberação na Justiça. O cenário ideal era uma resolução amigável do meia com o time das Laranjeiras, que já aguardava os paulistas para debater a melhor forma de fechar a contratação - venda, troca ou empréstimo. O São Paulo também já tinha avisado à OTB que faria uma investida. 

Na situação atual, o Tricolor Paulista sabia que seria inevitável a volta de adversários e o surgimento de novos concorrentes, como o Galo, fortalecido pelo suporte do banco BMG. Só não há a intenção de desrespeitar os limites financeiros do clube e encarar um leilão por Scarpa, principalmente diante do risco de ver o imbróglio judicial com o Flu se arrastar e poder exigir mais investimentos ou atrapalhá-lo esportivamente.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos