Nos pênaltis, Vasco supera Água Santa e granizo para avançar na Copa SP

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br

    Jogadores do Vasco comemoram gol contra o Água Santa

    Jogadores do Vasco comemoram gol contra o Água Santa

O Vasco precisou das penalidades para bater o Água Santa e avançar na Copinha. Após um empate por 1 a 1 no tempo normal, com gols de Robinho e Danilo Costa, os cariocas tiveram de superar o rival e até uma chuva de granizo para seguir na Copa São Paulo. Na marca da cal, Alexander pegou as cobranças de Lucas Carvalho e Alexandre [Danilo Costa bateu para fora]. Com o resultado, o Cruz-maltino terá o Palmeiras pela frente nas oitavas. O Alviverde goleou o Taubaté por 7 a 0.  

Em um dia quente em Diadema, a equipe do técnico Marcus Alexandre foi superior ao rival na Arena Inamar. Na primeira etapa, os vascaínos estiveram perto de abrir o placar, com Robinho e Hugo Borges, mas as chances foram desperdiçadas. Aos 30, no entanto, Robinho, o maior destaque vascaíno na Copinha, acertou um belíssimo chute para inaugurar o marcador.

Com a desvantagem, o Água Santa se lançou mais ao ataque na etapa final da partida. Mesmo com o ímpeto, o time azul não ameaçou muito. Com mais espaços, os cariocas assustaram e quase ampliaram. Após belo chute de Marrony, Julio César impediu o segundo. Luan também teve chance de ampliar, mas o chute saiu sem direção.

Aos 28, o castigo para o Vasco. Danilo Costa cabeceou para deixar tudo igual no ABCD Paulista. Debaixo de um dilúvio, as equipes tentaram impedir a cobrança de penalidades, mas o empate por 1 a 1 seguiu até o apito final.

Campeão em 1992, o Vasco luta pelo bicampeonato da principal competição de base do país. Já o Palmeiras vai em busca de sua primeira taça da Copinha.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos