Irmão diz que Ronaldinho se aposentou e fará jogos de despedida após a Copa

Brunno Carvalho

Do UOL, em São Paulo

  • AP Photo/Dmitri Lovetsky

A carreira de Ronaldinho Gaúcho parece mesmo ter chegado ao fim. Sem fazer um jogo oficial desde 2015, o meia deve entrar em campo novamente apenas para realizar jogos de despedida.

De acordo com Assis, irmão e empresário de Ronaldinho, a ideia é que a despedida aconteça após a Copa do Mundo deste ano. Em contato com o UOL Esporte, contudo, Assis afirma que ainda não há nada oficial em relação ao último jogo do meia.

"Não tem nada por enquanto. Depois da Copa do Mundo com certeza a gente vai fazer", disse Assis, que confirmou a aposentadoria do irmão de 37 anos. "É o que a gente já havia falado, (jogar) profissionalmente ele não quer mais".

O último time de Ronaldinho foi o Fluminense. No clube carioca, o meia realizou nove partidas em 2015 antes de rescindir seu contrato.

Atualmente, Ronaldinho exerce a função de embaixador do Barcelona. O meia participa de jogos amistosos do time de lendas do clube espanhol, ao lado de ex-jogadores como Rivaldo, Edmilson e Kluivert.

Em novembro de 2017, Ronaldinho já havia dado indícios de que não voltaria a jogar profissionalmente. Em entrevista à "Band", o meia-atacante afirmou estar "velho" para o esporte.

Em sua carreira, Ronaldinho foi nomeado duas vezes o melhor jogador do mundo, em 2004 e 2005. Entre os principais títulos do meia-atacante estão a Liga dos Campeões de 2005/06, pelo Barcelona, a Libertadores de 2013, com o Atlético-MG, e a Copa do Mundo de 2002, com a seleção brasileira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos