Jogador do Liverpool é condenado, mas escapa de prisão por chutar namorada

Do UOL, em São Paulo

  • Clive Brunskill/Getty Images

    Jon Flanagan em ação durante jogo do Liverpool

    Jon Flanagan em ação durante jogo do Liverpool

Lateral-direito do Liverpool, Jon  Flanagan soube nesta quarta-feira (17), em audiência, que não será preso por agressão à namorada Rachel Wall apesar de ser considerado culpado. O defensor admitiu o crime, cometido em dezembro do ano passado.

Juíza responsável pelo caso, Wendy Lloyd, impôs como pena 12 meses de serviço comunitário, que incluem quarenta horas de trabalho sem remuneração e 15 dias de reabilitação. Ele ainda terá de pagar 170 libras (R$ 661,50) referentes ao processo.

A agressão aconteceu na madrugada de 22 de dezembro, quando Flanagan e a namorada estavam em uma noitada juntos. Imagens mostram o jogador empurrando a mulher contra a parede duas vezes. Ela acidentalmente derruba uma bolsa e se abaixa para pegá-la, e o lateral a joga contra a parede mais uma vez. Na segunda vez que ela vai ao chão, o defensor acerta um chute nela.

Flanagan alega que estava bêbado e que não tem memórias da agressão, apesar de se dizer arrependido pelo ocorrido. Apesar do incidente, os dois estão namorando atualmente. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos