Time espanhol tem dirigentes e nove jogadores presos por imigração ilegal

Do UOL, em São Paulo

Quatro dirigentes e nove jogadores do Calpe CF foram detidos neste sábado (20) por suspeita de participação em um esquema de imigração ilegal na Espanha. De acordo com o jornal "El País", os atletas foram presos por infringir a Lei de Imigração, enquanto os cartolas teriam facilitado o acesso a trabalho e residência aos atletas, que teriam documentação falsa.

Os dirigentes ficarão na cadeia até no mínimo segunda-feira (22), pelo fato das instituições judiciais não funcionarem no fim de semana. Já os jogadores ficarão em liberdade. O Calpe CF teve seu jogo desde domingo pela Federação de Futebol da Comunidade Valenciana.

A polícia interrompeu um treinamento do time de Calp, cidade no sudeste espanhol, na última sexta-feira pela tarde. Ela realizou prisões tanto no clube quanto nas residências dos detidos.

Todos os nove atletas eram sul-americanos, em sua maioria paraguaios. Entre os quatro dirigentes, dois são espanhóis, um italiano e outro paraguaio.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos