"Geração Copinha" pede passagem e veteranos têm de mostrar serviço no Fla

Leo Burlá e Pedro Ivo Almeida

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Daniel Vorley/AGIF

    Garotos formados na base estão em alta no Flamengo após dois títulos da Copinha

    Garotos formados na base estão em alta no Flamengo após dois títulos da Copinha

O tetracampeonato da Copa São Paulo anima o Flamengo e fortalece a política da valorização dos jovens formados na casa.

Com dois títulos recentes da principal competição de base do Brasil, o Rubro-negro já tem duas gerações que pedem passagem no time profissional. Nomes como Ronaldo, Jean Lucas, Paquetá, Felipe Vizeu, Vitor Gabriel e outros já integram o grupo principal e colocam pressão nos "medalhões" do elenco, cada vez mais obrigados a mostrarem serviço.

O uso dos garotos do Ninho do Urubu conta com a aprovação de grande parte da torcida, que historicamente "protege" os jovens rubro-negros. Dado o desempenho da última temporada, quando os jogadores mais consagrados foram muito questionados, o Flamengo inicia o ano com um padrão de entrega que marcou as recentes conquistas na capital paulista.

"O Flamengo preza por um trabalho vertical. Está forte em todas as categorias, todos os anos temos equipes para disputar títulos nacionais e isso fortalece a gente. Temos jogadores com muito potencial, como o Lucas Silva, Pepê, Patrick, mas é preciso ter paciência com essa garotada", alertou o tecnico campeão Maurício Souza ao "Sportv".

Até que os mais experientes voltem à ativa, os meninos dão conta do recado no Carioca. Capitaneados por Vinicius Jr, o time soma três vitórias em três jogos na competição estadual. No sábado, o Flamengo encara o Vasco e a torcida já deve ver um time com mais caras conhecidas, só que o planejamento para Diego e companhia gira em torno do dia 28 de fevereiro, quando o Fla encara o River Plate em jogo válido pela Libertadores.

"Temos alguma coisa programada para o clássico. Estamos repensando devido ao que vimos. Voltou o Cuéllar, apesar de saber que não pode jogar o início da Libertadores. Mas necessito encorpar a equipe", indicou o técnico Paulo César Carpegiani.

Com a classificação às semifinais da Taça Guanabara já assegurada, o Flamengo sairá do Rio para tentar faturar um dinheiro extra no Campeonato Carioca. De acordo com o Rubro-negro, a partida diante do Nova Iguaçu [o mando é do clube da Baixada], dia 4 de fevereiro, será disputada no Estádio Mané Garrincha (DF).

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos