"Maradona muda de lado por um cachorro-quente e uma Coca", ataca Chilavert

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • Reuters

    Chilavert atacou Maradona, em novo capítulo da guerra midiática entre ambos

    Chilavert atacou Maradona, em novo capítulo da guerra midiática entre ambos

A guerra midiática entre Diego Maradona e José Luis Chilavert ganhou um novo capítulo nesta terça-feira. Desta vez foi o ex-goleiro que disparou contra o eterno craque argentino. De maneira irônica, o antigo atleta da seleção paraguaia disparou contra o posicionamento do argentino, que hoje apoia a gestão de Gianni Infantino na presidência da Fifa (Federação Internacional de Futebol e Associados).

"Seu papel é muito triste. Antes das eleições, ele aprovava o filho do rei e destruía Infantino. Agora trabalha para ele [Infantino]. Sabemos que Maradona muda de lado por um cachorro-quente e uma Coca. Faz um papel triste; usam ele como uma marionete, sem peso. Meus valores não têm um preço", declarou o ex-goleiro ao jornal La Nación.

Tornou-se comum a troca de farpas entre as estrelas argentina e paraguaia. Nesta semana, Chilavert tratou de atacar o apoio de Maradona ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado em segunda instância pela Justiça do Paraná. O ex-goleiro tratou como "vergonha mundial".

Horas depois deste ataque ao posicionamento político – Chilavert ironiza "El Diez" por ser um "socialista que mora nos Emirados Árabes Unidos" -, Maradona tratou de responder também de maneira sarcástica; no caso, atacou o atual peso do ex-goleiro paraguaio.

"Chilavert é um 'panqueca'. Quando esteve comigo cara a cara no Brasil, disse que me apoiava, que estava comigo. Nota-se que o excesso de comida está fazendo mal para ele", declarou o argentino, que também respondeu a outro ataque do ex-goleiro paraguaio.

Chilavert declarou que "foi quatro vezes o melhor do mundo e sem drogas" ao ser questionado por um torcedor no Twitter, que reclamou do ataque a Maradona. O ex-camisa 10 e grande personagem da Copa do Mundo de 1986, desta vez, respondeu de forma mais séria.

"A droga nunca me ajudou; e, sim, sacou anos da minha carreira. Faz 14 anos que não consumo droga e posso falar do tema. Não sei se Chilavert pode falar deste tema da mesma forma", concluiu Maradona.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos