Fluminense cancela treino em virtude de operação de segurança no Rio

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Nelson Perez

O Fluminense cancelou o treinamento desta quarta-feira de manhã devido à operação de segurança do Rio de Janeiro na região da Cidade de Deus.

A área do CT do clube fica próxima ao acesso da Linha Amarela para a Avenida Ayrton Senna, local considerado perigoso pelas autoridades.

A ação será feita em diversos pontos da cidade conjunto com as Forças Armadas, Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar e Polícia Civil.

As Forças de Segurança do Rio iniciaram na madrugada desta quarta operação na Cidade de Deus. A operação ocorre após seguidos atos violentos no Rio, com as mortes de uma criança de 3 anos e de um jovem de 13 anos.

É a segunda vez em menos de 10 dias que o clube altera sua programação por razão de segurança. Na semana passada, a entrevista do diretor esportivo do Fluminense, Paulo Autuori, foi adiada, embora o treino tenha sido mantido. 

O CT do Fluminense passou por alguns episódios preocupantes desde que foi inaugurado. Em dezembro de 2016, por exemplo, bandidos invadiram o centro de treinamento com a intenção de roubar materiais e acabaram trocando tiros com policiais. Dois seguranças do clube ficaram feridos.

No início de janeiro do ano passado, enquanto o Fluminense disputava um jogo-treino contra a equipe do Serra Macaense, tiros foram disparados nas proximidades. Jornalistas e funcionários chegaram a se esconder com medo dos projéteis.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos