Com quase 12 anos de clube, chefe de segurança é demitido no Corinthians

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução

    Coronel Dutra (à direita) deixou o Corinthians após mais de uma década

    Coronel Dutra (à direita) deixou o Corinthians após mais de uma década

Em sua primeira semana no cargo, o presidente Andrés Sanchez promove algumas mudanças no Corinthians. Entre os funcionários mais antigos do clube, o chefe de segurança Coronel Dutra foi desligado na última quinta-feira (8). Ele estava na função desde o primeiro mandato de Andrés, em 2007. A informação foi inicialmente divulgada pelo site Globoesporte.

De acordo com pessoas próximas à diretoria, o desligamento não teve relação com os episódios que expuseram o presidente Andrés com torcedores organizados no sábado, após a eleição. A equipe liderada por Dutra controlou a confusão de maneira pacífica na ocasião. 

Ao longo dos últimos anos, Coronel Dutra se tornou uma das figuras mais influentes do dia a dia do CT Joaquim Grava. Participou até como representante do Corinthians em sorteio da Copa Sul-Americana e em viagem para a Colômbia, para confronto com o Patriotas-COL. O excesso de exposição rendeu certo incômodo entre outros funcionários. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos