De olho em "novos Paulinhos", Corinthians intensifica garimpo em Estaduais

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

  • REUTERS/Albert Gea

    Paulinho virou exemplo de jogador pinçado pelo Corinthians durante os Estaduais

    Paulinho virou exemplo de jogador pinçado pelo Corinthians durante os Estaduais

Marca do Corinthians nos últimos anos, embora reduzida ao longo da administração Roberto de Andrade, o forte garimpo do clube por destaques dos campeonatos estaduais deve se intensificar a partir de 2018. Defensor desse tipo de contratação, o novo presidente Andrés Sanchez quer que os funcionários corintianos trabalhem para encontrar apostas nos próximos meses para o Campeonato Brasileiro. O clube acertou, nesta semana, a contratação do jovem Matheus, 19 anos e goleador do ABC de Natal, mas quer mais.  

O exemplo sempre lembrado no Corinthians é o de Paulinho, que hoje é destaque no Barcelona e na seleção brasileira, e em 2011 foi detectado a serviço do Bragantino no Campeonato Paulista. Maior venda da história corintiana dois anos depois, ele ainda deixou gols e títulos memoráveis para os corintianos antes de se transferir para a Inglaterra em 2013. Ainda assim, até hoje, rende frutos aos cofres do clube graças ao mecanismo de solidariedade aos clubes formadores. 

Com muitas contratações de valores elevados em 2016, a gestão Roberto de Andrade inchou demais o elenco e deixou pouca brecha para que muitas apostas foram feitas no mercado. E entre aquelas que foram feitas, poucas agradaram. Nomes como o meia Alan Mineiro, o lateral Moisés, o atacante Bruno Paulo e o goleiro Douglas não chegaram a brilhar com a camisa do Corinthians. A exceção nesse sentido foi Camacho, o 12º homem de Fábio Carille buscado no Audax. 

Em novo momento, Andrés já avisou diretoria e comissão técnica que um olhar mais aguçado deverá ser direcionado em busca de mais apostas baratas e também jovens, com potencial de revenda. Nesse sentido, a integração passa pelo CIFUT (Centro de Inteligência em Futebol), Carille e auxiliares e principalmente o observador Mauro da Silva, responsável por muitas indicações desse tipo ao longo dos últimos dez anos e acostumado ao "garimpo".

Entre as contratações de sucesso do Corinthians nas duas primeiras gestões, além de Paulinho, estão os zagueiros Felipe e Leandro Castán, os volantes Jucilei, Elias, Ralf e Petros e o atacante Romarinho, entre outros. A lista de decepções, por outro lado, tem o zagueiro Wanderson, o lateral Wellington Saci, o volante Jocinei, o meia Eduardo Ramos e os atacantes Bill e Otacílio Neto. Na avaliação do clube, o custo-benefício por vendas como a de Paulinho faz a tática valer a pena. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos