Topo

Futebol


Terror dos técnicos, banco de reservas irá para lateral do campo no Vasco

Getty Images
Bancos de reserva serão deslocados da linha de fundo para as laterais do campo Imagem: Getty Images

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

11/02/2018 04h00

Abel Braga, Paulo Autuori, Geninho, entre outros. A lista é extensa dos treinadores que fecham a cara quando lembram de como é trabalhar em São Januário. Historicamente, o estádio tem seus bancos de reservas situados na linha de fundo, algo incomum no futebol mundial. Este ano, porém, a pedido do técnico Zé Ricardo, o Vasco tem feito obras no gramado para deslocá-los para a lateral.

Eles ficarão situados junto à arquibancada, algo que não assusta o comandante vascaíno.

"Por incrível que possa parecer, o pedido foi meu, porque o lugar em que eu menos conseguia trabalhar era dentro de casa. Banco no fundo você perde noção de profundidade", declarou Zé Ricardo.

Em 2004, o então técnico do Vasco Geninho solicitou a mudança dos bancos de reservas ao presidente Eurico Miranda e teve seu pedido acatado. Na ocasião, porém, eles ficaram situados ao lado das sociais. A situação, no entanto, durou pouco. Após ser eliminado da Copa do Brasil pelo XV de Novembro (RS), o clube resolveu voltar ao lugar tradicional.

Como a obra é relativamente simples, é provável que em breve os bancos de reservas já estejam alocados no novo setor. Na última partida, entre Vasco e Universidad de Concepción (CHI), o local estava isolado por grades.

Mais Futebol