Tradicional camarote paulistano tem "bolo" de boleiros e Amaral como escudo

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo

  • Cláudio Augusto/Brazil News

    Marcos Assunção, Amaral e Ronaldo reunidos em camarote neste domingo

    Marcos Assunção, Amaral e Ronaldo reunidos em camarote neste domingo

O Camarote Bar Brahma reuniu grandes nomes do esporte nacional, como o jogador de basquete Leandrinho e o líbero Serginho, durante os dois dias de desfile das escolas de samba de São Paulo. Atletas e ex-atletas dividiram a atenção com subcelebridades e aproveitaram para se reencontrarem. Ao mesmo tempo, o tradicional espaço sofreu com o "bolo" de jogadores de futebol e personalidades que estavam anteriormente confirmadas.

Enquanto o camarote promoveu "resenhas" improváveis como de Amaral com Zeca Pagodinho – o ex-volante ainda atuou como "escudo" do sambista, que exigiu a presença do antigo atleta de Palmeiras e Corinthians para ser fotografado ao lado do prefeito João Dória (PSDB-SP) -, jogadores de Corinthians e Palmeiras abdicaram do convite da cervejaria para o espaço VIP no Sambódromo do Anhembi.

Da lista de presenças confirmadas, os corintianos Jadson, Balbuena e Romero faltaram ao evento; o time alvinegro acabou derrotado na rodada pré-Carnaval (2 a 1 para o Santo André), e os jogadores realizaram treino regenerativo na manhã de sábado.

Do lado palmeirense, o volante Felipe Melo, que atuou neste sábado na vitória por 2 a 0 sobre o Mirassol, era esperado no espaço no segundo dia de desfile das escolas de samba, mas também não compareceu.

Outros dois nomes em atividade também estavam na lista de convidados, porém abdicaram do convite. O lateral Zeca, que vive litígio com o Santos e deu entrevista emocionada na sexta-feira, desfalcou o grupo dos "boleiros", assim como o atacante Felipe Vizeu, vice-campeão da Sul-Americana do ano passado e vendido para a Udinese.

O coordenador técnico da seleção brasileira Edu Gaspar não apareceu até as 5h de domingo, horário em que o acesso da imprensa era liberado. Outro nome importante do esporte a "furar" com o camarote da cervejaria em São Paulo foi o árbitro de MMA Mário Yamasaki, duramente criticado na semana pelo presidente do UFC Dana White; ele estava na lista dos convidados para os dois dias.

Dos presentes, Marcos Assunção e o ex-goleiro Ronaldo se divertiram na "resenha" com Zeca Pagodinho e Amaral. O quarteto ficou boa parte da noite em um espaço reservado dentro da área VIP.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos