Neymar aciona Justiça Espanhola contra Barça e Fifa encerra processo

Do UOL, em São Paulo (SP)

  • AFP PHOTO / PAU BARRENA

    Neymar perdeu a primeira batalha contra o Barcelona na Fifa, diz rádio catalã

    Neymar perdeu a primeira batalha contra o Barcelona na Fifa, diz rádio catalã

A Fifa (Federação Internacional de Futebol e Associados) arquivou nesta terça-feira a denúncia de Neymar contra o Barcelona. O jogador cobrava 40 milhões de euros de bônus (R$ 162 mi) em relação à primeira renovação com o clube espanhol, que reteve esta quantia; a batalha agora será na Justiça Espanhola, onde tramite uma ação movida pelo atleta.

Em contato com o UOL Esporte, o estafe do jogador afirmou que já esperava o arquivamento da ação na Fifa, justamente pela existência de um processo discutindo a mesma questão na Justiça Comum. Neymar seguirá cobrando integralmente os valores.

"Não houve qualquer julgamento de mérito pela FIFA no caso envolvendo o atleta Neymar Jr. e o F.C. Barcelona, mas tão somente o já esperado encerramento do caso em face da ação ajuizada pelo atleta perante a justiça espanhola. Assim, o atleta Neymar Jr. segue pleiteando o integral pagamento dos valores devidos pelo F.C. Barcelona pela assinatura do seu contrato de trabalho em 2016", diz comunicado enviado pela assessoria do camisa 10 do PSG.

O astro brasileiro deixou a Catalunha rumo ao PSG no meio do ano passado após o pagamento da multa de 222 milhões de euros (mais de R$ 900 mi na cotação atual). Neymar tinha renovado contrato com o Barcelona em outubro de 2016, meses antes de sair do clube.

Neymar se encontra concentrado com o Paris Saint-Germain antes da primeira grande decisão pelo novo clube. Nesta quarta-feira, o clube francês encara o Real Madrid, no Santiago Bernabéu, pelo primeiro duelo oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos