Zé Ricardo rejeita proposta árabe e permanecerá no Vasco

Alexandre Praetzel

Colaboração para o UOL

  • Carlos Gregório Júnior / Flickr do Vasco

Zé Ricardo permanecerá no Vasco. O treinador foi convencido pela diretoria a recusar a proposta do Al-Ahli, dos Emirados Árabes, e continuar o trabalho no clube carioca.

Um dia antes da classificação sobre o Jorge Wilstermann, Zé Ricardo recebeu a proposta do Al-Ahli. A oferta seria com um contrato de três anos no valor de R$ 23 milhões. No Vasco, o treinador recebe cerca de R$ 170 mil por mês.

"Mais até do que a parte financeira, pesou para o Zé Ricardo esse projeto que nós oferecemos. Ele é um profissional sério, dedicado, e mostramos a ele o quanto ele é fundamental em colaborar na reestruturação do futebol do clube", disse Alexandre Campello, em nota oficial.

Depois da decisão de permanência, a diretoria do Vasco discutirá com Zé Ricardo um aumento de salário e ampliação do tempo de contrato. O treinador possui acordo apenas até o final da atual temporada com o clube carioca.

Zé Ricardo chegou ao Vasco em agosto do ano passado, após a demissão de Milton Mendes. O treinador foi responsável por classificar o clube para a Copa Libertadores.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos