Por Jael, Grêmio aposta em 'poder' de Renato para recuperar jogadores

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Grêmio

    Jael comemora primeiro gol com a camisa do Grêmio, contra o Novo Hamburgo

    Jael comemora primeiro gol com a camisa do Grêmio, contra o Novo Hamburgo

Jael marcou seu primeiro gol com a camisa do Grêmio. No sábado, o comandante de ataque fez de pênalti contra o Novo Hamburgo na vitória por 3 a 0. E para ter toda capacidade que crê no jogador, o Tricolor aposta em algo que já fez efeito: o poder de recuperar jogadores de Renato Gaúcho.

Portaluppi enumera facilmente os jogadores que recuperou. Chegaram em baixa no Grêmio reservas imediatos e atuais titulares. Cortez, Léo Moura, Lucas Barrios, todos recuperados pelo comandante. Cícero, Ramiro e Pedro Rocha também são exemplos da qualidade do comandante ao reerguer atletas em baixa.

Depois de mais de um ano no clube, o atacante fez o primeiro gol e o Grêmio aposta que será o novo caso do 'poder' de Portaluppi.

"A gente procura sempre recuperar. Eu fui jogador e sei como o jogador deve ser tratado, como deve ser a conversa, a confiança. Foi importante o gol do Jael porque vai dar confiança para ele. É um jogador que infelizmente ano passado teve uma lesão séria. Tivemos paciência com ele. Tem uma entrega muito grande durante os 90 minutos. Antes do jogo eu falei para ele que não tem obrigação de fazer gol porque é o 9. Se der, tudo bem, se não der, procura ajudar teus companheiros com as jogadas que o mais importante é nossa vitória. E logo no começo do jogo ele deu um ótimo passe para o gol do Thonny", afirmou.

Exatamente a estratégia da conversa 'de boleiro' é o principal fator de recuperação de Renato. Mantendo o ambiente positivo com brincadeiras e muito bate-papo, Portaluppi evita cobranças e integra o jogador em um contexto propício ao crescimento.

Mas nem sempre dá certo. Miller Bolaños, Gastón Fernández, Michael Arroyo, nenhum destes conseguiu se recuperar sob tutela de Portaluppi. Por isso, foram embora do clube.

"Quanto a recuperar os jogadores, acima de tudo é o jogador que se recupera, desde que ele queira", acrescentou.

Jogadores comemoram com Jael

E não foi apenas Renato ou a direção do Grêmio a celebrar com Jael. Quando saiu o gol, já no fim da partida de sábado, todos atletas, titulares e reservas, correram até ele para dar um abraço. O gol, finalmente, saiu. Depois de chances perdidas, bola na trave e muito suor.

"O mais importante foi a vitória. É importantíssimo pro Jael fazer o primeiro gol dele. Sempre passamos muita confiança para ele, grupo, comissão técnica, torcida. Mas para ele foi muito importante", disse o atacante Everton. 

Jael tem a concorrência de Hernane Brocador no comando de ataque do Grêmio. O Tricolor ainda promete contratar mais um centroavante. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos