Após clássico, PSG envia carta com críticas à arbitragem do Francês

Do UOL, em São Paulo

  • Geoffroy Van der Hasselt/AFP

O PSG enviou nesta quarta-feira (28) uma carta de protesto à Liga de Futebol Profissional (LFP), responsável por organizar o Campeonato Francês, por conta da arbitragem do jogo de domingo (25) contra o Olympique de Marselha. Encaminhada por Antero Henrique, diretor esportivo do clube francês, o documento criticou a atuação do árbitro Benoit Bastien no clássico do fim de semana. As informações são do jornal "L'Equipe".

Usando como exemplo uma expulsão sofrida por Mbappé contra o Rennes, Henrique questionou por que o argentino Ocampos não foi punido por uma falta "voluntária e violenta" em Daniel Alves, a qual sequer resultou em uma advertência ao jogador de Olympique de Marselha.

A carta também lembrou uma agressão que Marquinhos recebeu de Njie, punida apenas com um cartão amarelo, e ainda citou os comentários de Payet feitos ao árbitro sobre Neymar. "Disse a Neymar para se acalmar, se não ia se encarregar dele", lembrou Henrique. "Essas afirmações são inaceitáveis e deveriam ter sido punidas e mencionadas por Bastien em sua súmula."

O diretor esportivo do PSG acredita que a arbitragem do Campeonato Francês tem sido tendenciosa contra o líder isolado da competição, afetando a qualidade do jogo e resultando em contusões dos jogadores do time parisiense.

Henrique ainda disse esperar que esta seja a última carta deste tipo enviada pelo clube nesta temporada, aguardando uma melhora no nível da arbitragem dos jogos que restam até a metade do ano. Em janeiro, o PSG havia reclamado de uma pancada do goleiro Anthony Lopes, do Lyon, em Mbappé.

A partida contra o Olympique de Marselha foi a mesma em que Neymar sofreu a fissura no metatarso do pé direito. Sem relação com os supostos erros de arbitragem, a lesão precisará de uma cirurgia para ser corrigida e deixará o brasileiro fora dos campos até pelo menos a metade de abril.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos