São Paulo vê acerto com Adidas como resgate de credibilidade após era Aidar

Bruno Grossi

Do UOL, em São Paulo

  • Eduardo Anizelli-17.dez.2014/Folhapress

    Gestão de Aidar foi marcada por denúncias; comissão à Under Armour afetou o clube

    Gestão de Aidar foi marcada por denúncias; comissão à Under Armour afetou o clube

Ao fechar acordo com a Adidas, o São Paulo crê ter dado mostras de que recuperou sua credibilidade no mercado. O clube estava marcado no mercado pelos pedidos de comissão na última negociação de contrato de material, com a Under Armour, na gestão de Carlos Miguel Aidar. Na ocasião, o contrato original com a empresa americana previa 18% de comissão para uma empresa suspeita na Ásia, cuja relação com o negócio nunca foi esclarecida.

À sombra do escândalo, marcas custaram a aceitar conversar e mostraram desconfiança com o São Paulo, que entrou em acordo com a Adidas de forma direta, sem participação de qualquer intermediário. Para o clube, é um sinal de que a profissionalização das diretorias está sendo colocada em prática.

Para ler esta notícia na íntegra, além de outras novidades dos bastidores da bola, leia a coluna De Primeira.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos