Cicinho, ex-São Paulo, rompe contrato e deixa Brasiliense antes do esperado

Do UOL, em São Paulo

A passagem de Cicinho pelo Brasiliense-DF terminou antes do esperado. O lateral direito ex-São Paulo, contratado principalmente para as disputas da Copa do Brasil e Série D do Campeonato Brasileiro, rompeu nesta quinta-feira (1º) com o clube calango.

Como o próprio jogador de 37 anos fez questão de ressaltar nas redes sociais, a ruptura aconteceu de forma amigável. Ele tinha vínculo, a princípio, até o final de novembro de 2018. Desta forma, de maneira precoce, pouco mais de cinco meses – o atleta havia sido anunciado em setembro do ano passado -, Cicinho deixa o Brasiliense-DF após atuar em apenas duas partidas.

Com passagens por São Paulo, Atlético-MG, Roma, Real Madrid e até seleção brasileira, o lateral havia atuado por três anos no Sivasspor, da Turquia, de 2013 a 2016. Antes disso, entre 2012 e 2013, defendeu seu último clube do Brasil, o Sport.

Confira, abaixo, a mensagem na íntegra publicada pelo atleta:

"Boa noite, galera, tudo bem com vocês?

Estou passando para comunicar a vocês, que já devem ter visto algumas notícias, sobre minha rescisão com o Brasiliense.

Foi tudo de uma maneira amigável e tranquila. Agradeço ao clube por ter me dado essa oportunidade em voltar a jogar futebol, mas hoje, nesta quinta-feira, acertamos a rescisão.

Agradeço aos torcedores pelo carinho, funcionários, diretoria, comissão técnica e companheiros neste período.

Em breve volto aqui para falar mais com todos...

Fiquem com Deus.

Grande abraço".

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos