Abandonado, CT do Santos que revelou Neymar tinha até galinheiro

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Reprodução

    Galinheiro ficava no CT da base e já foi retirado pela atual diretoria do Santos

    Galinheiro ficava no CT da base e já foi retirado pela atual diretoria do Santos

O CT Meninos da Vila, construído especialmente para atender a base do clube, e que recebeu Neymar durante parte de sua formação como jogador, foi encontrado abandonado pela atual gestão alvinegra, que tem José Carlos Peres à frente. O UOL Esporte teve acesso às fotos que mostram que a última diretoria, comandada pelo ex-presidente Modesto Roma, deixou o CT com campos degradados, matos altos, buracos por toda parte e até um galinheiro.

O local, na entrada de Santos, ajudou a revelar Neymar ao futebol. O hoje camisa 10 da seleção brasileira esteve, inclusive, ao lado de Robinho, em dezembro de 2005, na colocação da pedra fundamental da obra. O CT foi inaugurado em agosto de 2006 e Neymar treinou por lá nas categorias sub-15 e sub-17. No dia da inauguração, uma das atrações foi justamente o treinamento do time do ex-camisa 11, à época já uma promessa alvinegra.

Reprodução

A nova diretoria lamentou a situação do que era para ser o "celeiro de craques" do Santos e iniciou um processo de reforma. O galinheiro, que ficava atrás do vestiário e pertencia ao administrador do local, já foi retirado.

Outras providências também foram tomadas. A principal delas foi a contratação de um engenheiro para administrar o CT Meninos da Vila, tratada como "moralização" da parte administrativa. A prefeitura da cidade de Santos ajuda o clube no processo de limpeza. Em conjunto, as partes também aumentaram o efetivo de segurança no local para evitar invasões.

Nos últimos três anos, com a degradação do CT Meninos da Vila, as categorias que utilizavam o local passaram a treinar no CT Rei Pelé, usado pelo profissional - o sub-20, exceção, sempre treinou no CT principal do clube. Por conta disso, Neymar, que "pulou" do sub 17 ao profissional, fez sua base toda praticamente no Saboó, bairro em que é localizado o "Meninos da Vila".

Ricardo Nogueira/Folhapress

O terreno do CT Meninos da Vila foi doado nos anos 1980 pelo ex-prefeito Paulo Gomes Barbosa, pai do atual prefeito da cidade de Santos, Paulo Alexandre Barbosa. Nos anos 1990, o clube cedeu parte do espaço para construção de prédios populares em troca da concessão do CT Rei Pelé, que fica em região mais central da cidade.

Fundado pelo atual presidente do Conselho Deliberativo do Santos, Marcelo Teixeira, o CT Meninos da Vila foi inaugurado nomeando os campos 1 e 2 de Robinho e Diego, respectivamente. No entanto, na gestão de Luis Alvaro de Oliveira, em 2010, o nome dos campos foi trocado para Chico Formiga, primeiro técnico da geração de Meninos da Vila.

Santos faz proposta para compra de novo CT para a base

Reprodução

Com o problema exposto no CT Meninos da Vila, a diretoria do Santos entende que as categorias de base precisam de investimentos e estruturas melhores, pois dão fruto para o clube dentro e fora de campo. Segundo eles, são R$ 100 milhões de receita por ano com venda de atletas e recebíveis por ser clube formador (mecanismo de solidariedade da Fifa), e "apenas" R$ 15 milhões de investimento anual. 

Por conta disso, o Santos iniciou um processo de compra de um novo centro de treinamentos para as categorias de base. A ideia é que o CT Meninos da Vila seja utilizado somente para esportes olímpicos e amadores caso a negociação seja concretizada.

O projeto é ousado. O Santos já fez uma proposta de compra de uma associação esportiva de uma grande empresa da Baixada Santista. O local possui mais de 200 mil m². O CT Meninos da Vila e o Rei Pelé, por exemplo, possuem entre 30 mil e 40 mil metros quadrados.

O local já possui campos e até piscinas para que o clube paulista também ofereça uma área social aos sócios. A diretoria santista trata o assunto de forma sigilosa e não fala sobre o tema, mas a ideia é centralizar todos os elencos das categorias de base e o futebol feminino no local. Até o sub-20, que sempre treinou no CT Rei Pelé, seria deslocado para o novo CT.

O UOL entrou em contato com o ex-presidente Modesto Roma para ele explicar a situação crítica do local e, inclusive, a presença do galinheiro. O cartola, no entanto, não retornou as ligações.

Reprodução
Além do galinheiro, grama alta e buracos no campo foram observados pela diretoria santista

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos