Justiça do Paraná suspende venda de cerveja nos estádios do Estado

Napoleão de Almeida

Colaboração para o UOL

  • Felipe Dótoli/RROnline

    Justiça voltou a proibir a venda de cervejas no estádios do Paraná

    Justiça voltou a proibir a venda de cervejas no estádios do Paraná

O Tribunal de Justiça do Estado do Paraná suspendeu a venda de cervejas nos estádios de futebol paranaenses, liberada desde setembro de 2017, quando deputados aprovaram um projeto de lei que permitia a volta da comercialização da bebida, vetada desde 2008.

Por 13 votos a 9, o TJ-PR avisou que a venda está suspensa até o julgamento do mérito, sem data marcada. O deputado estadual Luiz Claudio Romanelli (PMDB-PR), um dos autores do projeto de lei, reclamou nas redes sociais: "Lamento informar que foi suspensa a lei da qual sou co-autor que autoriza a venda de cerveja nos estádios. Por 13 votos a 9, o Órgão Especial do TJPR tomou a decisão nesta segunda feira, dia 5 de março, voltando a ser proibida a venda nos estádios em jogos futebol", escreveu em sua conta no Twitter.

O veto veio após um pedido do Procurador-geral de Justiça Ivonei Sfoggia, que considera "inconstitucional" a lei. Ainda cabe recurso sobre a decisão, sancionada pelo Governo do Paraná em 25 de setembro do ano passado.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos