Indignado com pênalti, Gattuso pede árbitro de vídeo em torneios na Europa

Do UOL, em São Paulo

  • David Klein/Reuters

    O técnico do Milan, Gennaro Gattuso, reclama de pênalti concedido para o Arsenal

    O técnico do Milan, Gennaro Gattuso, reclama de pênalti concedido para o Arsenal

O técnico do Milan, Gennaro Gattuso, disse neste sábado (17) que é favorável à implementação do árbitro de vídeo em jogos dos principais torneios da Europa.

Na quinta-feira (15), em partida válida pelas oitavas de final da Liga Europa, em Londres, na Inglaterra, o Milan foi derrotado por 3 a 1 para o Arsenal e acabou eliminado da competição.

Gattuso reclamou muito de um pênalti concedido para o Arsenal quando o confronto estava 1 a 0 para o seu time, que havia perdido o jogo de ida por 2 a 0, em Milão. O árbitro viu infração de Rodríguez em Welbeck

"Estamos acostumados com o árbitro de vídeo, sabemos mais que os outros. Para mim, é justo que o tenha também [em torneios] na Europa. Se isso funciona, não entendo o motivo de deixarmos os árbitros parados em uma linha", disse Gattuso. Na Itália, o assistente de vídeo já é usado.

"Melhor uma tela do que as pessoas paradas por 90, 95 minutos. Essas pessoas podem rever a imagem. E sobre Welbeck? Os ingleses são esportivos, eles acreditam nas pessoas honestas. Eu não posso julgar os jogadores, eu seria hipócrita em dizer que ele [Welbeck] estava errado. O erro foi de quem deu o pênalti", disse o técnico.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos