Jogador ex-Flamengo leva tiro durante assalto no RS; estado é estável

Emanuel Colombari

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação

O meio-campista Lorran, que disputou a primeira fase do Campeonato Gaúcho pelo São Paulo, foi baleado na madrugada desta segunda-feira durante um assalto na cidade de Canoas (RS).

A informação foi divulgada pela assessoria de imprensa do atleta e confirmada pelo UOL Esporte com o próprio São Paulo. O time acabou na lanterna da primeira fase do Gauchão e, rebaixado, não disputou a segunda fase.

Segundo comunicado da assessoria de imprensa de Lorran, "o atleta encontra-se com seu quadro estável após levar um tiro na panturrilha". "O jogador está internado em observação médica", diz a nota.

De acordo com fontes ligadas ao clube, o contrato entre Lorran e São Paulo já foi encerrado. Ainda assim, a diretoria do time de Rio Grande (RS) tenta contato com o estafe do meio-campista para eventuais tratativas. Por telefone, a Polícia Civil de Canoas não deu informações a respeito do caso.

Promovido ao time profissional do Flamengo em 2011, atuou ainda ao lado de jogadores como Ronaldinho Gaúcho, Léo Moura, Felipe e Kleberson, entre outros. Desde então, passou por clubes como Grêmio Osasco Audax, Madureira (ambos em 2014), Grêmio Anápolis, Tupi (em 2015), Brasília, Rio Branco-PR (2016) e Bangu (2017).

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos