Sport: Magrão cita jogo mais importante da carreira e mira marca histórica

Do UOL, em Santos (SP)

  • Buda Mendes/Getty Images

    Goleiro Magrão completa, nesta quarta, 700 jogos com a camisa do Sport

    Goleiro Magrão completa, nesta quarta, 700 jogos com a camisa do Sport

Magrão não para de fazer história no Sport. Nesta quarta-feira (21), em jogo contra o Central-PE, pelas semifinais do Campeonato Pernambucano, o goleiro de 40 anos completará 700 partidas com a camisa rubro-negra. Serão 130 jogos a mais que o ex-zagueiro Bria, segundo atleta que mais atuou pelo time pernambucano – entre os anos de 1949 e 1963.

Por conta da marca histórica, Magrão foi personagem de uma entrevista publicada pelo Sport nesta segunda-feira (19). Nela, o goleiro aborda diversos assuntos; entre eles, é questionado sobre qual foi o jogo mais importante da carreira até aqui. E a resposta veio fácil.

Almeida Rocha/Folhapress
"Sem dúvidas a final contra o Corinthians [Copa do Brasil 2008]. Esse jogo foi especial, onde deu o título mais importante do Clube. A Ilha do Retiro estava completamente lotada… A torcida jogou com a gente a partida inteira. Acho que esse jogo é o principal", disse o goleiro.

Além de ser o jogador que mais vestiu a camisa rubro-negra, Magrão pode se tornar ainda este semestre o atleta com mais títulos pelo clube. Atualmente, ele está empatado com o ex-atacante Leonardo – ambos somam nove conquistas.

"Sempre penso em ser campeão. O jogador de futebol fica marcado pelas conquistas. Toda vez que disputo um campeonato o primeiro pensamento é de ser campeão. Consequentemente isso vai agregar o número de títulos, com a chance de ultrapassar Leonardo, que é um ídolo que o Sport tem. Quando iniciei não esperava chegar a esse ponto, sendo o jogador que pode ser o que mais conquistou troféus. Se acontecer, vou ficar muito grato. Estou lutando muito com meus companheiros para que isso seja possível", afirmou Magrão.

"Não me canso de jogar, principalmente vestindo essa camisa. Para mim, toda vez que entro em campo tendo a oportunidade de vestir a camisa do Sport é sempre uma satisfação. Atingindo essa marca [de 700 jogos], a alegria aumenta muito, pois sei que é um número muito expressivo. Praticamente uma vida na minha carreira", acrescentou o goleiro rubro-negro.

Com contrato até o fim de 2018, Magrão ainda não pensa em parar e espera ajudar o Sport enquanto for possível. Até onde vai o goleiro? "Vai até onde o clube quiser e eu me sentir bem. Enquanto tiver dando pro gasto e o Clube achar que tenho condições, vamos levando [risos]".

Sport e Central-PE se enfrentam às 21h45 desta quarta-feira (21) no estádio Lacerdão, em Caruaru.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos