Robinho critica ex-atletas sobre tempo para treinar:"não somos preguiçosos"

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

  • Washington Alves/Light Press/Cruzeiro

    Meia é um dos atuais cobradores de falta que Mano tem à disposição no Cruzeiro

    Meia é um dos atuais cobradores de falta que Mano tem à disposição no Cruzeiro

A pergunta era sobre como funcionavam os treinamentos do Cruzeiro de cobranças de falta, já que o time conta hoje com várias opções, dentre elas Thiago  Neves e Edilson. Mas o meia Robinho, outra alternativa na bola parada, aproveitou a deixa para cornetar ex-jogadores que criticam o pouco tempo dedicado nos treinos para aprimorar alguns fundamentos que podem fazer a diferença dentro da partida.

"A gente tem treinado um pouco, mas com jogos às quartas e domingos não dá para ficar treinando. Eu vejo muito ex-jogador, e até vou dar uma cornetada agora, dizendo que quando jogavam batiam 50, 60 faltas (durante os treinos). É mentira, gente, impossível. Se o cara jogava quarta e domingo, é impossível. Joguei com o Alex no Coxa, foi um dos melhores cobradores de falta, mas ele mesmo não treinava todos os dias. Aí eu vejo alguns caras falando que o jogador de hoje é preguiçoso. Não está preguiçoso não, é que não dá mesmo", comentou.

Dos dois gols de Robinho em 2018, um deles foi em cobrança de falta, na derrota para o Racing, na estreia da Libertadores. No jogo seguinte, contra o Atlético-MG, o jogador passou perto de marcou outro tento, mas parou no travessão do goleiro Victor.

"Precisamos preocupar com o jogo. A Bola parada faz parte do jogo, sim, mas não dá para treinar sempre. Então, às vezes, quando vocês escutam ex-jogadores falando isso aí, é porque estão tentando fazer um pouco de média. Mas jogando de quarta à domingo não tem como treinar todos os dias".

Por falar em quarta e domingo, o Cruzeiro está se preparando para o primeiro jogo da semifinal contra o Tupi, nesta quarta-feira. A volta será no domingo em Belo Horizonte. Se avançar à final do estadual, a equipe de Mano terá uma semana inteira de treinamentos antes de encarar uma sequência de três partidas importantes. Entre uma eventual decisão e outra do Mineiro, o clube receberá o Vasco, em jogo válido pela segunda rodada da Copa Libertadores. Só então após o estadual é que a equipe ganhará novamente uma semana de folga antes de estrear no Campeonato Brasileiro.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos