Zagueiro argentino do United admite rivalidade com reforço Alexis Sánchez

Do UOL, em São Paulo

  • Alex Morton/Getty Images

    Sánchez e Rojo dão risada durante jogo do United contra o Huddersfield Town

    Sánchez e Rojo dão risada durante jogo do United contra o Huddersfield Town

Zagueiro do Manchester United, Marcos Rojo admitiu que não tinha boa relação com Alexis Sánchez antes da transferência do atacante para o clube inglês. O reforço antes defendia o rival Arsenal, e os dois também se enfrentaram muitas vezes em jogos de seleções – o defensor é argentino, enquanto o novo colega é chileno.

"Alexis é um grande jogador, mas a gente não costumava se dar bem em campo. Sempre que nos enfrentávamos, tanto pelas seleções quanto quando o United jogava com o Arsenal, eu entrava duro nele, e ele fazia o mesmo comigo. Além disso, eu o insultava, e ele respondia na mesma moeda", disse Rojo, em entrevista à emissora argentina "TyC Sports".

Por isso, o defensor admitiu que não se sentiu confortável quando soube que o United ia contratar Sánchez. No entanto, hoje em dia os dois já são vistos trocando brincadeiras em treinos do clube.

"Quando eu vi que ele ia para o United, eu disse 'ah não, que inferno, agora esse cara vai estar aqui'", revelou.

A notícia foi dada a Rojo por José Mourinho, técnico do United, que se mostrou plenamente ciente da rivalidade entre os dois.

"Ele me disse: 'Vamos contratar Alexis. Não quero que você arrebente ele no treino amanhã'. Ele caiu na gargalhada", contou Rojo.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos