Grêmio revela consulta ao Santos por Zeca, mas vê preço 'proibitivo'

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • Guilherme Dionízio/Estadão Conteúdo

    Lateral está em litígio com o Santos e já esteve acertado com o Corinthians

    Lateral está em litígio com o Santos e já esteve acertado com o Corinthians

O Grêmio procurou o Santos e consultou a situação do lateral Zeca, 23 anos, mas se assustou. Nesta segunda-feira (26) o clube gaúcho revelou ter feito sondagem há alguns dias e recuou diante da pedida do clube paulista para liberar o jogador - em litígio e com imbróglio judicial.

Segundo apurou o UOL Esporte, o Grêmio procurou o Santos antes de o jogador se acertar com o Corinthians e quase ser anunciado pelo atual campeão brasileiro.

"Interessaria, evidente. É um jogador interessantíssimo. Dizer que a gente não fez contato foi errado. Fizemos, mas não avançamos por ser um valor proibitivo em relação ao que o Santos pede pelo Zeca", disse Romildo Bolzan Jr., presidente do Grêmio.

A revelação foi feita durante apresentação oficial de André, ex-jogador do Santos e que estava no Sport antes de fechar com o Grêmio. A procura do Tricolor, no entanto, é antiga. E não deve ser retomada.

No início do mês, o Grêmio promoveu uma reunião geral no departamento de futebol e analisou de perto alvos no mercado. Zeca apareceu em uma relação de nomes que agradam, ainda mais por atuar nas duas laterais e ter grande potencial de revenda.

O departamento jurídico do Tricolor deu parecer de que era arriscado assinar somente com o jogador, por conta dos termos do litígio e da briga judicial envolvendo o Santos. Assim, o Grêmio fez contato com a diretoria paulista e sondou as condições exigidas.

Zeca já esteve na mira de Flamengo e Corinthians. O Internacional também tem interesse no jogador e abriu conversas com o Santos para tentar acordo. O time paulista quer envolver Eduardo Sasha em definitivo, mas o modelo não agrada ao Colorado.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos