Presidente do Santos explica contratação polêmica de "jovem do Liverpool"

Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

  • Pedro Ernesto Guerra Azevedo/Divulgação Santos FC

    Lucas Yanase já defendeu o Santos entre 2013 e 2014, mas foi dispensado do clube

    Lucas Yanase já defendeu o Santos entre 2013 e 2014, mas foi dispensado do clube

O presidente do Santos, José Carlos Peres, explicou uma de suas contratações mais contestadas por conselheiros e torcedores do clube: Lucas Yanase. A contratação gerou polêmica e causou até estranheza, pois o Santos registrou o atacante de 21 anos no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) no segundo dia de mandato de Peres, em janeiro deste ano.

Questionado em reunião do Conselho Deliberativo, o mandatário alega que correu para fechar a contratação porque o jogador já treinava no Liverpool, da Inglaterra. O atleta assinou contrato de três anos com o clube paulista.

Lucas Yanase disputará competições com o time B e inicialmente não integrará o elenco profissional. Peres disse que a decisão foi do técnico Jair Ventura. Desta forma, o atacante atuará na Copa Paulista e no Campeonato Brasileiro de Aspirantes.

"O Lucas tinha um contrato com o Liverpool-ING e eu encaminhei esse nome ao Marcelo (Teixeira, presidente do Conselho Deliberativo) no ano passado. Falei para ele: 'Lembra dele?', foi indicado para o sub-23 e não chamaram o garoto. Ele tem futuro e o salário dele é muito pequeno. Cinco ou seis salários mínimos. Ele pode render muito, está treinando e vai mostrar serviço. Jair (Ventura) preferiu segurar o menino (não levando ao profissional). Se for bem, colocamos. Se não der certo, perderemos nada. Fizeram Carnaval como se fosse crime", afirmou Peres.

Yanase já defendeu o Santos no passado. Ele atuou no clube entre 2013 e 2014, na categoria sub-17, mas foi dispensado pela gestão do presidente Odílio Rodrigues.

Após deixar o Santos, Lucas Yanase defendeu Ponte Preta, Tanabi e Atlético Araçatuba, antes de passar por um período de testes no Liverpool.

Para o elenco profissional, José Carlos Peres contratou somente três reforços: Eduardo Sasha, Gabigol e Dodô. O dirigente se gabou do trio ser titular do time de Jair Ventura em reunião do Conselho Deliberativo nesta segunda-feira. "Contratamos três reforços, mas três titulares. A antiga gestão contratou mais de 170 atletas, e alguns nem jogaram", disse.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos