Pelé lamenta morte de Geraldino, lateral campeão mundial pelo Santos

Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação/Santos

    Geraldino acumulou 212 partidas e 11 títulos pelo Santos entre anos de 1963 e 1968

    Geraldino acumulou 212 partidas e 11 títulos pelo Santos entre anos de 1963 e 1968

Morreu nesta sexta-feira, aos 78 anos, o ex-lateral-esquerdo Geraldino, que fez história com a camisa do Santos: foram 212 partidas entre 1963 e 1968, com 11 títulos conquistados (Rio-São Paulo em 1964 e 1966, Campeonato Paulista em 1964, 1965, 1967 e 1968, Taça Brasil em 1963, 1964 e 1965 e a Copa Libertadores e o Mundial de Clubes em 1963). Por meio de comunicado oficial, o Santos informou a morte do ex-jogador, e o ex-companheiro Pelé se manifestou em luto nas redes sociais.

"Hoje eu perdi um grande amigo. Tive muito prazer e honra em ser seu parceiro em tantas conquistas pelo Santos, Geraldino. Os campos de futebol no céu recebem um grande craque", escreveu o Rei em suas redes sociais.

Nascido na cidade mineira de Raposos, Geraldo Antônio Martins jogou no Villa Nova e no Cruzeiro antes de ser contratado pelo Santos - maior transação de um clube mineiro na história até aquele momento. Pelo Peixe a estreia foi em 25 de maio de 1963, contra o Partizan (SER), na França, e a despedida em 12 de julho de 1968, contra o New York Generals (EUA). Do Santos ele foi para a Portuguesa, onde pendurou as chuteiras. Depois, o ex-lateral se mudou para Santos.

O velório ocorre nesta sexta-feira, a partir de 18h, na Beneficência Portuguesa, em Santos.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos