Diretor chega ao Fla e diz que técnico será definido até o fim da semana

Vinicius Castro

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Vinicius Castro/UOL

    Lomba, Bandeira e Noval: trio tem desafio no futebol do Flamengo

    Lomba, Bandeira e Noval: trio tem desafio no futebol do Flamengo

Carlos Noval foi apresentado nesta segunda-feira (2) como o novo diretor executivo de futebol do Flamengo. Após longa reunião com o presidente Eduardo Bandeira de Mello e com o vice de futebol Ricardo Lomba, o profissional concedeu a primeira entrevista coletiva. Sobre o novo técnico, Noval afirmou que a questão será definida com calma, mas até o fim da semana.

A efetivação do auxiliar Maurício Barbieri, inclusive, não está descartada. O jovem comanda os treinamentos desde que Paulo César Carpegiani foi demitido e está em avaliação para que uma decisão seja tomada. Cuca é outro cotado pelo Rubro-negro.

"Logicamente que precisamos ter calma e não nos anteciparmos. O Barbieri é extremamente qualificado. Um perfil de treinador que gosto muito. Já o quis trazer há quatro anos para os juniores. É um perfil que agrada e está sendo avaliado. Em cima disso, vamos trabalhar. Não podemos esperar muito também. Até o final da semana precisamos da pessoa definida. Não há possibilidade fechada. Pode ser o Barbieri ou vir alguém de fora", afirmou.

"Estamos em conversas e ouvindo muito. Pensamos no que fazer. A calma é para ter a certeza de que o técnico chegará com a filosofia que desejamos para a função. O profissional precisa se adequar à filosofia que o clube possui", completou.

Sobre o desafio de comandar o departamento de futebol profissional após oito anos nas categorias de base, Carlos Noval agradeceu aos dirigentes pela oportunidade.

"Esse processo na base foi feito durante anos e me levou a aceitar o desafio. Acredito no processo continuado. O desenvolvimento feito na base é o mesmo no profissional. Me sinto confiante. Lidava com meninos, pais e empresários. A grande diferença talvez seja no valor que recebem. Tratarei Guerrero e Diego com transparência, assim como fazia com os meninos da base", encerrou.

Raiz rubro-negra e campeão na base

Carlos Noval vive o Flamengo há anos - seu pai foi diretor do clube na década de 1980. O atual diretor executivo de futebol se notabilizou ao conduzir o trabalho de reformulação das categorias de base do Rubro-negro. Ele seguiu na gestão Bandeira mesmo sendo remanescente da presidente Patrícia Amorim.

Tricampeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior (2011, 2015 e 2018), Noval ajudou o clube a revelar talentos e também a adquirir jovens valores de outras instituições. O trabalho bem avaliado e o baixo custo mensal fizeram com que o Rubro-negro apostasse nele para substituir o conhecido Rodrigo Caetano.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos