Internacional completa 109 anos em clima de reconstrução

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Duarte/Inter

    O Inter de D'Alessandro comemora 109 anos de história nesta quarta-feira (04)

    O Inter de D'Alessandro comemora 109 anos de história nesta quarta-feira (04)

O Internacional está de aniversário. Nesta quarta-feira (04), o Colorado completa 109 anos de história. Longe das principais conquistas que pautam a trajetória do clube, o clube busca reconstrução dentro e fora de campo.

É consenso nos bastidores do Inter que os últimos anos dinamitaram avanços importantes do início dos anos 2000. Em meio a investimentos errados e condutas equivocadas, o Colorado acabou rebaixado para Série B pela primeira vez em sua história e lá esteve em 2017.

Passou por tempos nefastos. Além das derrotas em campo, da pressão e de protestos violentos da torcida, das dificuldades em retomar seu posto na elite, o Inter passa por investigação do Ministério Público. O investimento sem justificativa de mais de R$ 40 milhões está sob análise da lei.

A palavra de ordem para abandonar este quadro é reconstrução. A diretoria que assumiu em 2017 não esconde que o processo pelo qual o clube e, consequentemente, o time estão passando é lento e não será da noite para o dia que a lista de equívocos dará lugar novamente às glórias.

Mas passo a passo o clube procura os trilhos perdidos recentemente. Voltou à elite como vice-campeão da Série B, fez alguns bons jogos neste ano e mesmo eliminado do Gauchão nas quartas de final conseguiu voltar a vencer o rival no 2 a 0 do Beira-Rio. Ali mostrou muito empenho e estreitou a relação com a torcida.

Reformou o CT, está com o projeto de um novo local para treinamentos em andamento e agregou valores importantes ao time. Precisa se desfazer de um, é fato, porque corre contra um apertado orçamento. Mas se vê num trabalho de reforma que acredita dar resultado logo em seguida.

Nos 109 anos, o Internacional está distante daquele que conquistou a Libertadores e o Mundial em 2006, voltou a erguer a taça mais importante do continente em 2010, foi chamado 'Campeão de Tudo' ao conquistar Sul-Americana, Recopa (duas) e uma lista de Estaduais em temporadas não tão longe no passado. Mas se vê colocando tijolo após tijolo na construção que acredita colocar-lhe novamente em tal posto.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos