Presidente da Roma descarta negociar goleiro Alisson: 'Eu o amo'

Do UOL, em São Paulo

  • REUTERS/Albert Gea

    James Pallotta, que preside a Roma, questiona: por que deveria deixar Alisson sair?

    James Pallotta, que preside a Roma, questiona: por que deveria deixar Alisson sair?

O goleiro Alisson é cotado para deixar a Roma ao fim da temporada 2017/2018, despertando o interesse de clubes como Real Madrid e Liverpool. No entanto, o clube italiano não está disposto a negociar o brasileiro tão cedo.

Pelo menos é o que garante James Pallotta, presidente da Roma. Nesta terça-feira, o dirigente norte-americano foi questionado pela imprensa a respeito da possível transferência do brasileiro, e fez questão de demonstrar interesse na permanência.

"Por que eu deveria deixá-lo sair?", perguntou Pallotta, segundo o site Football Italia, antes da partida Roma x Barcelona. "Ele está sob contrato. Eu o amo. Eu nunca quis vendê-lo quando se falava nisso dois anos atrás. Eu achava ele ótimo, e ele está mostrando como é bom", completou.

Alisson chegou à Roma em julho de 2016, oriundo do Internacional. Titular na terça-feira, ajudou a Roma a vencer o Barcelona por 3 a 0 no Estádio Olímpico e garantir a vaga da equipe nas semifinais da Liga dos Campeões da Europa 2017/2018. No jogo de ida pelas quartas, o Barça havia vencido por 4 a 1.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos