Pezão assina termo, e Flamengo planeja Arena Multiuso pronta em 2020

Vinicius Castro

Do UOL, no Rio de Janeiro

O Flamengo obteve nesta quinta-feira (12) o documento que faltava para iniciar a construção da Arena Multiuso na sede da Gávea. O governador Luiz Fernando Pezão assinou o termo de regularização de cessão da área na sede da Gávea. O empreendimento tem parceria com a rede de fast food McDonald's.

O projeto faz parte de uma revitalização do bairro da Gávea, Zona Sul do Rio de Janeiro. Terrenos tiveram as cessões regularizadas também em outros clubes da região. Agora, o Flamengo encaminhará o contrato com o Mc Donald's para apreciação do Conselho Deliberativo.

A expectativa é a de que a votação ocorra até o fim de maio. Na seguida, com a aprovação em mãos, a diretoria realizará os últimos ajustes para o início das obras. A conclusão em 2019, no entanto, é improvável.

"É um presente para o Rio de Janeiro. A Gávea precisava ser revitalizada. O Flamengo continua sendo um clube voltado para atividades esportivas e sociais, mas isso nos possibilitará melhorias. O prazo de conclusão depende da data de início das obras, mas a previsão é a de que esse processo dure de 12 a 16 meses", explicou o vice-presidente de patrimônio do Flamengo, Alexandre Wrobel.

As obras devem começar no segundo semestre deste ano. É possível que a inauguração ocorra nos primeiros seis meses de 2020. Tudo depende dos trâmites burocráticos e dos ajustes finais no projeto. O custo da Arena será de R$ 28 milhões - financiado pela rede de fast food.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos