CEO do Arsenal quer auxiliar de Guardiola para substituir Wenger, diz TV

Do UOL, em São Paulo

  • Gareth Copley/Getty Images

    Mikel Arteta observa Guardiola durante treino do Manchester City

    Mikel Arteta observa Guardiola durante treino do Manchester City

O novo técnico do Arsenal poderá ser um velho conhecido da torcida. Segundo informações da emissora Sky Sports, Ivan Gazidis, CEO do clube, considera a opção a opção de contratar Mikel Arteta para substituir Arsène Wenger a partir da próxima temporada.

De acordo com a TV, Gazidis afimou que o Arsenal precisa ser "ousado" em sua busca por um novo técnico e acredita que, apesar da falta de experiência de Arteta, que nunca foi treinador profissional, tem as credenciais para ter sucesso no cargo.

Contratado pelo próprio Wenger do Everton em 2011, Arteta jogou na equipe londrina até junho de 2016, quando se aposentou. Logo após abandonar as chuteiras, o ex-volante espanhol de 36 anos se tornou um dos assistentes técnicos de Pep  Guardiola no Manchester City.

No entanto, Arteta não é o único nome cogitado para assumir o Arsenal depois da Copa do Mundo. Diretor de futebol do clube, Raul Sanllehi gostaria de ver Luis Enrique assumir o comando técnico dos Gunners.

Além dos espanhóis, os alemães Julian Nagelsmann, do Hoffenheim e Thomas Tuchel estão sendo cogitados. No entanto, o ex-técnico do Borussia Dortmund perdeu forças por estar perto do Paris Saint-Germain. O italiano Domenico Tedesco, que comanda o Schalke 04, também vem sendo observado pela diretoria do time inglês. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos