Meses após vender percentual de Murilo, Cruzeiro recebe oferta de R$ 15 mi

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

  • © Washington Alves/Light Press/Cruzeiro

    Murilo Cerqueira, zagueiro do Cruzeiro, tem oferta do Benfica, de Portugal

    Murilo Cerqueira, zagueiro do Cruzeiro, tem oferta do Benfica, de Portugal

O Cruzeiro pode anunciar em breve a venda de Murilo ao Benfica, de Portugal. Os europeus ofereceram 3,5 milhões de euros (R$ 15,1 mi) para tirá-lo da Toca da Raposa II e os mineiros têm direito a 60% deste valor.

A intenção dos lusitanos em contar com o defensor fez com que o presidente Wagner Pires de Sá e o diretor-geral Sergio Nonato incluíssem Lisboa no roteiro da viagem que fazem à Europa. A dupla foi também a Madri para conversar sobre a manutenção de Lucas Silva.

O Cruzeiro detinha 75% dos direitos de Murilo até o início de 2018. No entanto, se desfizeram de 15% em um negócio com o Coimbra, do Banco BMG, no início de 2018. Uma fonte ligada à instituição financeira confirmou a aquisição.

Os valores envolvidos na venda de parte dos direitos à empresa não foram confirmados à reportagem. Com 60% do atleta, o clube de Belo Horizonte receberia 2,1 milhões de euros (R$ 9,07 mi) em caso de acordo com os portugueses.

Além das fatias de Cruzeiro e Banco BMG, há o percentual de uma escolinha de futebol de São Gonçalo dos Campos, na Bahia. Criada em 2002, a ADBB detém 25% dos direitos de Murilo.

A saída do zagueiro de 21 anos da Toca da Raposa II é vista como uma das alternativas para aliviar o caixa da equipe. A venda de atletas é uma das ideias do clube para abater os R$ 50 milhões em empréstimos contraídos em janeiro de 2018.

No elenco profissional do Cruzeiro desde o início de 2017, Murilo já disputou 43 jogos pelo clube. O defensor venceu a Copa do Brasil em setembro do ano passado como um dos titulares do elenco.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos