São Paulo faz planos para Júnior Tavares após desistência de franceses

José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

  • Marcello Zambrana/AGIF

    Júnior Tavares voltou para o São Paulo e pode ser relacionado para o clássico de domingo

    Júnior Tavares voltou para o São Paulo e pode ser relacionado para o clássico de domingo

Sem pedir, Diego Aguirre ganhou um reforço nesta semana. Após período de testes no Rennes, da França, Júnior Tavares voltou ao São Paulo nesta quarta-feira e já treinou com o restante do elenco no CT da Barra Funda. A desistência dos franceses em fechar a contratação até poderia ser vista de maneira negativa pelo Tricolor, que não pôde reforçar o seu caixa. No entanto, a realidade é outra e a comissão técnica pensa de uma maneira bem diferente. O treinador uruguaio comemorou o retorno do lateral esquerdo e já pretende até relacioná-lo no clássico deste domingo, contra o Santos.

Para Aguirre, Júnior Tavares pode ser uma peça interessante no esquema com três zagueiros por causa de sua facilidade para apoiar o ataque. Por isso, ele estaria à frente de Edimar em uma disputa por posição. Embora o São Paulo ainda conte com Reinaldo, Júnior Tavares pode atuar também em outras posições. Com Dorival Júnior, por exemplo, ele chegou a ser deslocado para o meio de campo. 

Promovido para o profissional por Rogério Ceni, no ano passado, o lateral esquerdo despontou como uma das principais promessas do São Paulo em 2017. O Ajax, da Holanda, chegou até acompanhá-lo em algumas partidas e fazer uma sondagem. Porém, o ala caiu de rendimento e o seu comportamento não era dos mais exemplares. Com Dorival Júnior, ele viu Edimar se firmar como titular e pouco depois de Aguirre chegar, surgiu a oportunidade de ir para a França. 

Para que não tivesse nenhum problema fora de campo em seu período de testes no exterior, Júnior Tavares foi para a Europa acompanhado apenas de uma pessoa de seu estafe. A ideia era de minimizar interferências externas e deixar o jogador focado no seu trabalho.

Segundo apurou o UOL Esporte, os franceses não acertaram a contratação em definitivo do lateral esquerdo por questões financeiras - o valor estipulado era de 2,5 milhões de euros (R$ 10,75 milhões) por 50% dos direitos do atleta. O Rennes até tentou negociar uma redução e deixou aberta a possibilidade de o jogador retornar em breve. 

Júnior Tavares tem contrato com o São Paulo até 30 de junho de 2021. No total, o lateral esquerdo, de 21 anos, disputou 52 jogos com a camisa do Tricolor, não marcou gols e deu oito assistências para os companheiros. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos