Topo

Futebol


Presidente do City diz que time não vai gastar muito com reforços

PAUL ELLIS/AFP
Manchester City fez 100 pontos no Campeonato Inglês Imagem: PAUL ELLIS/AFP

Do UOL, em São Paulo

2018-05-21T07:06:52

21/05/2018 07h06

Com discurso parecido ao de Pep Guardiola, o presidente do Manchester City Khaldoon Al Mubarak já avisou que o clube não pretende gastar muito com reforços para a próxima temporada. De acordo com o mandatário da agremiação britânica, as contratações serão pontuais.

“Em termos de melhorar o elenco, nós tivemos muito aprendizado no ano passado. Hoje temos uma equipe de alta qualidade. Você não chega aos 100 pontos sem um time grande e com alta qualidade. Quaisquer contratações têm que melhorar o elenco”, declarou Mubarak.

“Este é meu maior aprendizado. Enquanto estamos vencendo, trazer novos jogadores é uma importante decisão, porque nós temos uma fórmula vencedora. Para contratar, é preciso tomar decisões com seriedade.

Temos que trazer jogadores que irão melhorar, fortalecer e acrescentar ao elenco. Isso é fundamental”, acrescentou o presidente.

Desde Pep Guardiola chegou ao Manchester City, o clube gastou cerca de 450 milhões de libras esterlinas com reforços como Ederson, Benjamin Mendy, Gabriel Jesus e Kyle Walker.

Mais Futebol