Grêmio resolve 'problema' e vende Bolaños ao Tijuana por R$ 11 milhões

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Lucas Uebel/Grêmio

    Miller Bolaños deixa o Grêmio e vai em definitivo para o Tijuana, do México

    Miller Bolaños deixa o Grêmio e vai em definitivo para o Tijuana, do México

Miller Bolaños foi vendido ao Tijuana, do México. O equatoriano estava emprestado ao time e tinha cláusula de compra para ser efetivada. No entanto, o negócio saiu após nova negociação e foi fechado por 3 milhões de dólares (R$ 11 milhões). 

A informação foi divulgada pela Zero Hora e confirmada pelo UOL Esporte. Bolaños já não fazia parte dos planos do Tricolor e caso voltasse de empréstimo teria novo destino. 

Do montante, 70% pertence ao Grêmio (R$ 7,7 milhões) e 30% será encaminhado ao Emelec, do Equador, que manteve tal percentual quando negociou o jogador com o Grêmio e 2016. 

A saída gera prejuízo de R$ 12,3 milhões ao clube gaúcho, que o comprou por R$ 20 milhões e pouco aproveitou seu futebol em Porto Alegre. O atleta de 27 anos fez 28 jogos e marcou sete gols em 2016, outros 18 jogos com oito gols no ano seguinte e nesta temporada realizou 33 jogos com nove gols pela equipe mexicana. 

Saída por opção

Bolaños teve uma série de problemas no Grêmio. Não conseguiu render o esperado, foi afastado e acabou pedindo para ser negociado. A relação com o técnico Renato Gaúcho não era a melhor e uma série de dificuldades na relação com a torcida também o fizeram pretender a saída do clube. 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos