Topo

Futebol


Dorival alega questões particulares e encerra conversas com o Flu

Bruno Ulivieri/Raw Image/Estadão Conteúdo
Técnico Dorival Júnior não poderá assumir o comando da equipe do Fluminense Imagem: Bruno Ulivieri/Raw Image/Estadão Conteúdo

José Eduardo Martins e Leo Burlá

Do UOL, em São Paulo e no Rio de Janeiro

2018-06-20T18:54:05

20/06/2018 18h54

Após ouvir um “não” de Zé Ricardo, o Fluminense também não poderá contar com Dorival Júnior, sua segunda tentativa. O treinador alegou questões particulares à diretoria e encerrou as conversas. O clube agora volta à estaca zero na busca por um técnico para substituir Abel Braga, que pediu demissão no último sábado.

Recentemente, foram oferecidos ao Tricolor os treinadores Guto Ferreira, ex-Bahia, e Marcelo Cabo, do CSA. Os nomes, contudo, não encontram consenso.

Quem está à frente na missão de arrumar um comandante é o novo diretor executivo, Paulo Angioni, contratado recentemente.

A busca inicial havia sido por Zé Ricardo, mas o ex-treinador de Vasco e Flamengo alegou estar aguardando uma proposta do futebol árabe e recusou o convite.  O técnico também está na mira do rival Botafogo e foi sondado.

O último trabalho de Dorival Júnior foi no São Paulo, onde ficou quase um ano. Ele foi demitido em março deste ano após uma derrota no clássico com o Palmeiras pelo Campeonato Paulista.

Mais Futebol