Retrancas e assédio a Everton. Por que Grêmio decidiu investir em Marinho

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

  • Divulgação / Changchun Yatai

    Brasileiro Marinho está prestes a ser anunciado como reforço do Grêmio

    Brasileiro Marinho está prestes a ser anunciado como reforço do Grêmio

Não foi apenas pela indicação de Renato Gaúcho que o Grêmio decidiu agir para contratar o meia-atacante Marinho, do Changchun Yatai, da China. O jogador de 28 anos é considerado valioso pela capacidade de abrir as retrancas repetidamente formadas contra o Tricolor. E ainda pode repor uma eventual saída de Everton.

O atacante da esquerda no sistema montado pelo time de Renato Gaúcho chama atenção longe de Porto Alegre. Da Europa, repetidas sondagens são feitas de olho no "Cebolinha" da Arena. A última delas da Lazio, da Itália.

O jogador passa por um processo de renovação de contrato e terá multa rescisória ampliada para defender-se de investidas insustentáveis. Mas o Tricolor reconhece que dependendo da oferta e do clube, segurar o jogador pode ser impossível.

Caso perca Everton, Marinho ocuparia tranquilamente aquela faixa de campo. Tem bom poder de conclusão, velocidade e vitória pessoal na avaliação do clube gaúcho.

"Abrir retrancas" também é qualidade enaltecida na avaliação do ex-jogador do Vitória. Como virou praxe na reta final da primeira parte do Brasileiro, o Tricolor tem encarado times com postura defensiva e encontrado dificuldades para impor seu estilo de jogo. Neste contexto, Renato Gaúcho acredita que Marinho possa desequilibrar um sistema inteiro apenas com vitória pessoal.

Na China desde o ano passado, Marinho disputou 17 jogos e marcou três gols em sua primeira temporada. Neste ano, esteve em campo em cinco compromissos e não marcou gols.

O negócio para chegada do atleta envolve 2,5 milhões de dólares (R$ 9,4 milhões na cotação atual). Em Porto Alegre, o jogador deve assinar contrato até 2020.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos