D'Alessandro vê Inter estável e aceita reserva: "Voltarei devagar"

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

  • Ricardo Duarte/SC Internacional

    Meia ficou fora do time durante série de oito jogos sem derrota antes da Copa do Mundo

    Meia ficou fora do time durante série de oito jogos sem derrota antes da Copa do Mundo

D'Alessandro assistiu de fora a sequência de oito jogos sem derrota do Internacional e ficou feliz. Ausente por lesão e depois suspensão, o meia diz que o time conseguiu estabilidade. Nesta quinta-feira (28), em entrevista coletiva, o líder do grupo desabafou contra críticas e disse que aceita normalmente ser reserva.

A volta do camisa 10 ao time titular, nas palavras do próprio, será lenta.

"Estou feliz pela sequência de oito jogos sem perder. O time conseguiu uma estabilidade boa. Ganhou fora, o que  é importante no Campeonato Brasileiro. Voltarei devagar. Respeitarei como sempre fiz o momento do grupo. Vou seguir trabalhando. Tenho que respeitar. O treinador merece. Ele precisa seguir da maneira que trem trabalhado.. Achou o equilíbrio nos últimos jogos", disse D'Alessandro.

O último jogo do argentino foi diante do Flamengo, no Rio de Janeiro, em seis de maio. Depois, ficou fora contra o Grêmio por desconforto, foi baixa contra a Chapecoense após pancada no tornozelo e na sequência recebeu gancho no STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva).

"Fiquei no banco contra o Palmeiras, no Gre-Nal e tudo isso sem reclamar e sem nada. Às vezes falam 'olha a cara do D'Ale'. Eu nunca reclamei. De fato, fui poucas vezes banco, mas por mérito meu. Ninguém ganhei nada. Foi com trabalho e dedicação. Vou voltar a treinar normal e quando o treinador precisar, estou aí", comentou.

Em outro trecho da entrevista, D'Alessandro rebateu críticas. Também adotou tom de esclarecimento ao falar do motivo pelo qual ficou fora dos últimos jogos antes da parada.

"Estou me sentindo melhor. Fiquei um pouco fora. Tive uma lesão. Não foi muscular como disseram. Vou começar cedo (a esclarecer). Falaram que machuco muito. Ouvi cada coisa nesses últimos meses, que Meu Deus do céu. Estou aqui para tirar as dúvidas. O cara que fica atrás da mesa lá.... Foi um lesão no tornozelo e não foi muscular. Faz tempo que não tenho muscular. Mas melhorei. Infelizmente fiquei fora do momento bom do time, mas feliz pelo grupo, pelo clube", declarou o meia.

O Internacional volta a jogar oficialmente em 19 de julho, contra o Atlético-PR, fora de casa. Patrick, suspenso, é desfalque certo. D'Alessandro, recuperado, é opção para a vaga.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos