Após saída em massa de vices, Flu anuncia dupla para compor gestão de Abad

Do UOL, no Rio de Janeiro

  • Lucas Merçon/Fluminense

    Pedro Abad é presidente do Fluminense

    Pedro Abad é presidente do Fluminense

Pouco menos de dois meses após o Fluminense ser varrido pela debandada de cinco vice-presidentes, o presidente Pedro Abad formalizou a chegada de dois quadros para ocuparem postos-chaves no clube.

Nesta terça-feira, o clube tornou públicas as nomeações de Marco Aurélio Guerreiro e Daniel Kalume para os respectivos cargos de vice-Presidente Financeiro e vice-Presidente de Interesses Legais, respectivamente. Os nomes ainda têm de ser homologados pelo Conselho Deliberativo.

Guerrero trabalhou em empresas como a Pepsi-Cola, e foi CEO da Bombril no Brasil. Já Kalume é especialista na área fiscal e tem atuação no Rio de Janeiro e em Brasília.

Em maio deste ano, Cacá Cardoso (vice geral), Miguel Pacha (jurídico), Diogo Bueno (finanças), Idel Halfen (marketing) e Sandor Hagen (governança) deixaram suas pastas e tornaram-se oposição ao presidente Pedro Abad.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber notícias de esporte de graça pelo Facebook Messenger?
Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos