Topo

Futebol


L. Enrique promete mudanças táticas na Espanha e faz pré-lista de 70 nomes

Luis Enrique foi apresentado nesta quinta-feira (19) - SUSANA VERA/REUTERS
Luis Enrique foi apresentado nesta quinta-feira (19) Imagem: SUSANA VERA/REUTERS

Do UOL, em São Paulo

19/07/2018 08h55

Luis Enrique foi apresentado como novo técnico da seleção da Espanha nesta quinta-feira (19). O comandante, que assinou um contrato de dois anos, agradeceu a oportunidade e disse que a equipe tem muito a melhorar.

“É preciso respeitar o que os outros treinadores fizeram, mas há muitas mudanças táticas que podem ser feitas. No nível tático, há muitas coisas para melhorar”, falou o novo treinador da Espanha em coletiva de imprensa, antes de anunciar que já possui uma ideia de quem chamar na primeira convocação.

"Na minha cabeça, tenho uma lista de 70 nomes e ai entram alguns que não vieram, outros que jogaram pouco e os mais habituais. Entre o Mundial, as pré-temporadas, as Supercopas; tenho que tem muita coisa em conta antes de começar as minhas escolhas”, afirmou o novo treinador da Espanha.

Sem clube desde que deixou o Barcelona após a temporada 2016-17, Luis Enrique foi contratado pela Real Federação Espanhola de Futebol após a participação da seleção nacional na Copa do Mundo.

A Espanha fez um Mundial abaixo das expectativas ao passar da primeira fase com uma vitória e dois empates e foi derrotada nos pênaltis pela Rússia nas oitavas de final. Luis Enrique acredita que pode reverter o quadro da seleção e exaltou os jogadores.

“Temos uma seleção de alto nível, com jogadores com um futuro esperançoso. Seguiremos sendo protagonistas com a bola, mas dando nuances e melhorando as coisas. Os últimos resultados não foram bons. Não vamos fazer uma revolução, mas vai haver uma evolução. Tentaremos ser os mais justos possíveis”, destacou Luis Enrique.

Mais Futebol